Currículo em inglês: gerador de currículo em inglês (2021)

Então você quer escrever um currículo em inglês? Não basta traduzir seu currículo para inglês, pois há diferenças entre os países que vão além do idioma.

Pedro Martins
Pedro Martins
Especialista em carreira
Currículo em inglês: gerador de currículo em inglês (2021)

Quer fazer um currículo em inglês, mas não sabe está seguro que fará tudo certo?

 

Don’t worry.

 

Siga esse guia e você fará um currículo em inglês para ninguém botar defeito.

 

Neste artigo você verá:

 

  • Modelo de curriculo em inglês;
  • Como fazer um curriculo em ingles;
  • Currículo em inglês: exemplo;
  • Gerador de curriculo em inglês.

 

Economize horas de trabalho e faça um currículo como esse. Escolha um modelo para preencher dentre os mais de 18 modelos de currículos para baixar.

 

modelo de currículo

 

CRIE SEU CURRÍCULO

 

O que usuários disseram sobre a ResumeLab:

“Eu tive uma entrevista ontem e a primeira coisa que me falaram foi: “nossa, adoramos seu currículo!”
Patrick

“Adorei a variedade dos modelos. Parabéns, continuem com o bom trabalho!”
Dylan 

“Meu currículo anterior era muito fraco, e eu passei horas formatando ele no Word. Agora eu consigo mudar qualquer coisa em minutos. Maravilhoso!”
George

CRIE SEU CURRÍCULO

 

Modelo de currículo em inglês: exemplo de currículo em inglês

 

Maurício B. Altieri

English teacher

0055(11)99999–9999

mauricio.b.altieri@email.com

linkedin.com/in/mauriciobaltieri

 

Resume Objective

 

Private teacher since 2017, with a year of experience as a teacher’s assistant in a reputable school, I have been teaching English for children of all ages and levels. It would be a pleasure to use my proficiency teaching the language and planning classes as an English teacher for foreigner students in your school.

 

Experience

 

Children’s Teacher Assistant

Escola Boa Juventude

Curitiba, Paraná - Brazil

2019-2020

  • Helped 10 different teachers;
  • Was substitute teacher in 3 different occasions;
  • Created a after class program for children with doubts that was a success;
  • I was graded 9/10 in the school’s satisfaction survey.

 

English Teacher

Private classes

Brazil

2017 - Present

  • Taught more than 30 pupils in different ages and English levels;
  • Prepared one pupil for an internship in Ohio;
  • After my second year teaching, I could rely solely in recommendations for work;

 

Education

 

Majoring in Modern Languages

University of Juiz de Fora, Minas Gerais - Brazil

Completion: 2020

 

High School Diploma

Escola Boa Juventude - Curitiba, Paraná - Brazil

Completion: 2017

 

Skills

 

  • Fluent English;
  • Class planning;
  • Computer skills;
  • Children’s education;
  • Microsoft Office;
  • Organization;
  • Proactivity;
  • Leadership.

 

Courses and Certificates

 

  • TOEFL Certificate - grade 118/120, 2017;
  • FCE Certificate - Cambridge - full grade, completion: 2018.

 

Como fazer um curriculo em inglês

  1. Formate o currículo em inglês;
  2. Escreva o Heading Statement (Resume Summary ou Resume Objective);
  3. Liste a sua experiência profissional;
  4. Coloque a sua educação também;
  5. Crie uma lista de habilidades;
  6. Inclua informações adicionais.

 

Veja abaixo uma explicação de cada item:

 

1. Formate o currículo em inglês

 

Ao fazer um currículo em inglês, existem alguns pontos relativos à formatação que devemos ter cuidado:

 

Papel A4 ou de carta?

 

O ideal é passar seu currículo para PDF antes de enviar por e-mail, para evitar que desformate ao abrir. Na hora de imprimir ou salvar em PDF, lembre-se do formato do papel:

 

  • Nos Estados Unidos e no Canadá o tamanho padrão para documentos é o papel de carta (US Letter);
  • No resto do mundo anglófono, usa-se o A4, como no Brasil.

 

Devemos colocar foto no currículo em inglês?

 

No Brasil, colocamos nossa foto no currículo apenas para vagas em que a aparência é importante, como para modelos e atores. Em outros países essa regra pode ser diferente.

 

Veja se deve colocar foto no currículo em inglês:

 

  • Estados Unidos, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Irlanda, África do Sul e Inglaterra: assim como no Brasil, não devemos colocar fotos em currículos, a não ser que elas sejam pertinentes para a vaga;
  • Europa: se você estiver fazendo um currículo em inglês para enviar para outros países europeus, é esperado que se coloque uma foto no currículo.

 

Quer colocar uma foto no currículo da melhor maneira? Leia: Como colocar foto no currículo.

 

Formato de currículo em inglês

 

Existem três formatos clássicos de currículos:

 

  • Cronológico inverso;
  • Funcional ou temático;
  • Combinado ou misto.

 

O currículo cronológico inverso é o tipo mais comum em todos os países em que se fala inglês. Nos Estados Unidos, por exemplo, 91% dos empregadores preferem contratar candidatos com esse tipo de currículo.

 

Este é o tipo de currículo que você vai fazer se continuar lendo este artigo. É aquele currículo clássico, em que se lista suas conquistas por seções (experiência, educação, etc.) listando-as do mais recente para o mais antigo.

 

Datas

 

Não se esqueça que, ao fazer um currículo em inglês, é preciso tomar cuidado com o formato das datas.

 

Nos Estados Unidos, costuma-se colocar o mês antes do dia. Isso pode causar muita confusão se você utilizar apenas números nas datas. Por isso, é recomendado escrever de uma maneira que fique claro o que é o mês e o que é o dia. Por exemplo:

 

  • 2013-Nov-13

Dica valiosa: o escrever seu currículo em inglês, não traduza expressões literalmente. É preciso entender as diferenças entre as duas línguas.

 

Separadores de decimais e milhares

 

Se for enviar um currículo em inglês para o exterior, verifique como se separa milhares e decimais em números no país em questão (vírgulas ou pontos). Por exemplo:

 

  • Estados Unidos: 10,000.00
  • África do Sul: 10.000,00

 

Endereço no currículo em inglês

 

Assim como no Brasil, seu endereço não deve ser incluído no currículo. Não é uma gafa incluí-lo, mas é desnecessário, e segundo alguns, inseguro.

 

Mesmo assim, achei melhor incluir essa explicação de como escrever seu endereço em inglês, caso você precise. Afinal, existem alguns casos em que você pode decidir enviar seu endereço, por exemplo:

 

  • Se você estiver morando muito próximo da empresa e acreditar que isso será um diferencial na hora da contratação;
  • Se a empresa pedir seu endereço.

 

Como colocar o endereço em inglês

 

A verdade é que cada país tem um padrão para redigir endereços. Às vezes o número da casa vem antes da rua, às vezes ele é dividido em mais linhas, e assim por diante.

 

O melhor que você pode fazer é buscar por um endereço online daquele país. Não quer errar? Procure o endereço da empresa para a qual você está se candidatando!

 

Como exemplo, segue o formato de endereços nos Estados Unidos:

 

[Nome da pessoa/empresa]

[Número da casa] [rua]

[Cidade] [sigla do estado] [CEP]

 

John Smith

540 Adams Drive

Anytown NY 01234

 

Outras dicas de formatação

 

Estas dicas não são exclusivas para currículos em inglês, mas segui-las é uma boa ideia para garantir que seu CV terá uma aparência profissional.

 

Como formatar um currículo:

 

  • Use uma fonte séria, de tamanho 11 ou 12, de cor preta;
  • Mantenha uma margem pequena, de mesmo tamanho em todos os lados;
  • Escolha espaçamento 1,15;
  • Deixe seu currículo com uma ou duas páginas;
  • Faça um cabeçalho com:
    • E-mail;
    • Telefone (00+código do país+código da área+número);
    • LinkedIn.
    • Nome;
    • Título;
    • Informação para contato:
  • Divida o currículo nas seções abaixo:
    • Heading Statement;
    • Experience;
    • Education;
    • Skills;
    • Seções extras (opcionais).

Dica valiosa: em inglês, todas as palavras de um título devem estar em maiúsculo (exceto artigos, preposições e conjunções curtas). Por exemplo, escreveríamos “Objetivo do currículo”, enquanto eles escreveriam “Resume Objective”.

 

2. Escreva o Heading Statement (Resume Summary ou Resume Objective)

 

heading statement, também conhecido como resume summary ou resume objective, é um pequeno parágrafo de 3 ou 4 frases que aparece no topo do seu currículo. A ideia é fazer com que o recrutador tenha uma boa impressão de você logo de cara.

 

Ele serve como um resumo do currículo, ao mesmo tempo que deve deixar claro para que vaga você está concorrendo.

 

Temos um artigo detalhado ensinando a montar esse parágrafo: Objetivo do currículo.

 

3. Liste a sua experiência profissional

 

Logo abaixo do heading statement, deve vir a seção com a sua experiência, ou experience. Isso porque para a maior parte dos recrutadores, a experiência de trabalho é o dado mais importante do candidato, e o que mais sinaliza se ele ou ela é a pessoa certa para a vaga.

 

Exatamente por isso é importante caprichar nessa seção.

 

Liste começando pelo seu trabalho mais recente. Para cada emprego, inclua:

 

  • Quando entrou na empresa;
  • Quando terminou o contrato;
  • Nome da instituição;
  • Título da sua posição;
  • Uma lista com 4 ou 5 detalhes, que podem ser responsabilidades do cargo ou conquistas adquiridas no emprego.

 

Temos um guia que te ajudará a escrever essa seção destacando o que o recrutador quer ler dependendo da vaga: Como colocar a experiência no currículo.

 

4. Coloque a sua educação também

 

A educação no currículo também é importante. Abaixo da seção experience, crie uma chamada education. Lá, liste suas formações mais importantes.

 

Não há necessidade de colocar colegial se você terminou uma faculdade, por exemplo. Liste o que achar importante para a vaga, começando pelo mais recente.

 

Para cada item, inclua:

 

  • Nome da instituição;
  • Nome do curso;
  • Data de término.

 

Novamente, vale a pena se aprofundar no tema se quiser criar a seção de education perfeita. Para isso, leia: Como colocar formação acadêmica no currículo.

 

5. Crie uma lista de habilidades

 

A seção de skills também é importante, e uma ótima oportunidade para listar habilidades que são importantes para a vaga, mas você teve dificuldade de demonstrar através das seções experience education.

 

Faça uma lista com cerca de dez habilidades. Leia a descrição da vaga e pense em quais daqueles requerimentos e expectativas você domina. Se possível, coloque um texto ao lado de cada habilidade “comprovando-a”. Por exemplo, colocar que é fluente em inglês tem muito mais peso se você colocar a nota do TOEFL.

 

E já que está fazendo um currículo em inglês, o seu nível no idioma é uma informação importante que pode ser colocada nesta seção, caso não tenha entrado naturalmente na seção de educação.

 

Uma ótima maneira de comunicar sua proficiência em inglês é com a denominação europeia, conhecida no mundo todo:

 

  • A1: iniciante. Formar frases simples.
  • A2: básico. Compreende e cria frases isoladas.
  • B1: intermediário. Conversa de maneira simples.
  • B2: independente. Entende as ideias principais de discursos complexos.
  • C1: proficiente. Desenvolve e compreende discursos complexos.
  • C2: domínio pleno. Se expressa de forma complexa sem dificuldades.

 

Outra maneira de reportar essa informação é com o jeito que costumamos fazê-lo aqui no Brasil:

 

  • Básico (Basic): entende textos e conversas simples;
  • Intermediário (Intermediate): entender e expressa ideias simples;
  • Avançado (Advanced): transmite e compreende ideias complexas;
  • Fluente (Fluent): domínio total do idioma.

 

Você pode misturar os dois, também. Nada te impede de escrever:

 

  • English — B1 (intermediate)

 

Veja outras dicas de como reportar as habilidades no CV em: Como colocar suas competências no currículo.

 

O gerador de currículos da ResumeLab é mais do que parece. Pegue conteúdo específico para aumentar suas chances de conseguir o emprego. Inclua descrição das experiências, listas e habilidades. Fácil. Leve seu currículo ao próximo nível com nosso gerador de currículos agora.

 

gerador de currículos

 

CRIE SEU CURRÍCULO

 

6. Inclua informações adicionais

 

No final do currículo, você pode criar suas próprias seções para passar informações que não entraram em nenhuma outra.

 

Por exemplo, talvez você queira dizer que pode começar imediatamente, está disposto a viajar para o exterior para aquela vaga em inglês, e que pode trabalhar nos finais de semana. Nesse caso, é uma boa ideia criar uma seção chamada availabilities.

 

Ou você ganhou alguns prêmios acadêmicos ou no trabalho dos quais se orgulha e quer listá-los no currículo. Você poderia criar uma seção chamada prizes.

 

Ou você pode seguir outro caminho e criar uma seção chamada additional information e listar todas essas coisas em uma só seção. Tudo depende da quantidade de itens que você quiser colocar.

 

Para ver uma lista de coisas que candidatos costumam colocar nessas seções, leia o artigo: informações adicionais no currículo.

 

Currículo em inglês: résumé ou curriculum vitae?

 

“Currículo” em inglês é résumé, ou curriculum vitae. Mas quando usar cada um? Veja abaixo algumas diferenças:

 

  • Résumé (ou resume): muito usado nos Estados Unidos e no Canadá. Esta palavra não é usada no Reino Unido, na Irlanda e na Nova Zelândia.
  • Curriculum Vitae: a versão mais usada no Reino Unido. Na América do Norte, essa palavra se refere a um tipo de currículo mais longo, usado em meios acadêmicos.

 

Em outros países anglófonos, como Índia, África do Sul e Austrália, essas duas palavras podem ser usadas no contexto de um CV, assim como no Brasil usamos tanto “currículo” quanto “curriculum vitae” para se referir a mesma coisa.

 

Também vale a pena comentar que escrever apenas resume ao invés de résumé é totalmente aceitável.

 

Existe também a tradução em inglês de currículo para simplesmente curriculum, mas ela só está correta se estivermos falando de um plano escolar ou acadêmico, no sentido de “currículo de estudos”.

 

Cover letter — a carta de apresentação de um currículo em inglês

 

No Brasil, alguns empregadores pedem que os candidatos enviem uma carta de apresentação com o currículo. 

 

Em alguns países, essa prática é mais comum.

 

Se a empresa para a qual você está enviando o CV pede por um documento desse, então podemos te ajudar a criá-lo no artigo: Como fazer uma carta de apresentação.

 

Mas e se a empresa não pediu? Então é você quem deve decidir se vai ou não enviar uma carta de apresentação com seu currículo em inglês.

 

Uma carta de apresentação bem feita só pode te ajudar, já que é capaz de passar uma impressão profissional para os recrutadores, e é uma chance extra para falar de você e de porque você é perfeito para a vaga.

 

Segundo um estudo americano da Careerbuilder, 49% dos gerentes de RH consideram uma carta de apresentação a segunda melhor coisa para dar um boost no seu CV. A primeira, claro, é escrever o currículo de maneira personalizada para a vaga específica.

 

A única situação em que é uma má ideia criar uma carta de apresentação bem feita é se a vaga especificar que você não deve mandar uma carta de apresentação. Mas essa é uma situação rara.

Dica valiosa: revise seu currículo e sua carta de apresentação usando algum site de revisões gramaticais em inglês, para evitar erros no idioma e soar como um nativo.

Aumente suas chances com uma carta de apresentação combinando com o currículo. Escolha um modelo de carta de apresentação e faça seus documentos se destacarem.

 

modelo de carta de apresentacao

 

CRIE SUA CARTA DE APRESENTAÇÃO

 

Quer inspiração para fazer sua carta de apresentação? Veja exemplos de cartas de apresentação prontas.

 

Revisando — como fazer um currículo em inglês:

 

Como fazer um currículo em inglês? Siga os passos abaixo:

 

  1. Formate seu currículo seguindo os padrões internacionais;
  2. Divida o currículo nas seções tradicionais, com os nomes em inglês;
  3. Inclua as informações visando o que é importante para a vaga;
  4. Detalhe sua proficiência em inglês com o método europeu;
  5. Crie seções adicionais para reportar o que faltou e é importante;
  6. Envie uma carta de apresentação com seu currículo em inglês;
  7. Revise muito bem a ortografia usando algum sistema online.


Thank you very much for reading! Algum comentário? Deixe-o na seção que você verá logo abaixo:

Avalie meu artigo: curriculo em ingles
Obrigado por votar!
Média: 5 (3 votos)
Pedro Martins
Pedro Martins
Pedro é especialista em carreira e criação de currículos.

Foi interessante? Veja artigos similares

Currículo ou curriculum: qual usar e como se escreve?

Currículo ou curriculum: qual usar e como se escreve?

Às vezes bate aquela dúvida: como se escreve currículo ou curriculum vitae? Qual é o certo e qual usar? Neste artigo, você verá a resposta para essas perguntas e um modelo de CV.

Joana Silveira
Joana Silveira
Especialista em carreira